24 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
16/04/24 às 16h33 - Atualizado em 16/04/24 às 16h33

Anel viário da Estrutural receberá redutores de velocidade

COMPARTILHAR

Um dos problemas enfrentados pelos moradores ao longo do anel viário da Cidade Estrutural está perto do fim. Isso porque após solicitação da Administração Regional, o Departamento de Trânsito autorizou a instalação de ondulações e placas de advertência longo da via.

“A instalação de ondulações e placas de advertência no anel viário irá ajudar a melhorar a segurança dos moradores e dos motoristas que passam pela área. Essas mudanças irão trazer benefícios significativos e reduzir os problemas enfrentados pelos moradores”, disse o líder comunitário “Rafael da 12”.

Em 2021 o GDF realizou a extensão das galerias de águas pluviais e recapeamento asfáltico em toda a extensão da via. Agora, o governo irá aumentar a segurança dos moradores com a instalação dos redutores de velocidade e assim aumentar a segurança do tráfego no local.

O anel viário é uma via que divide o Parque Urbano da Cidade Estrutural e o Santa Luzia. Inicialmente foi criada com o propósito de acesso de caminhões à URE/SLU, evitando que esses transitassem por dentro da cidade. Todavia, o tráfego passou a ser, também, de ônibus e veículos de passeio, principalmente devido à consolidação do Santa Luzia, com aproximadamente vinte mil moradores e com isso houve a necessidade de aumentar a segurança no local.

Segundo o administrador Alceu Prestes de Mattos, a instalação das ondulações acontecerá em breve. A instalação da sinalização acontecerá em breve, o que ficará marcado como um avanço para a segurança na via.

Alceu também explicou o fato de caminhões que utilizam a Unidade de Recolhimento de Entulho do SLU ainda transitarem por dentro da cidade. Esse é um problema que se arrasta há vários anos, pois alguns motoristas ainda insistem em desviar caminho e trafegar por dentro da cidade, mesmo sabendo que o trafego por aquele trecho é proibido. Assim, a Administração já oficiou os órgãos de fiscalização para ser coibida tal conduta e os resultados, segundo consta, é que vários condutores foram multados, além de apreensão de caminhões que descumprem a regra, relatou.

Ainda segundo o administrador, além da instalação de placas de advertência ao logo das vias internas da cidade, o órgão ainda solicitou o reforço para que outras medidas sejam adotadas a fim de advertir os condutores de caminhões que aqueles trechos são proibidos para o tráfego de veículos pesados.

Mapa do site Dúvidas frequentes